Advisibrasil

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Confira o site da VI Conferência Internacional de Direitos Humanos

Brasília – A VI Conferência Internacional de Direitos Humanos, evento promovido pela OAB Nacional e pela OAB Pará, está com site oficial no ar, com todas as informações sobre um dos principais eventos do ano para a advocacia e a sociedade civil. Entre 27 e 29 de abril, em Belém (PA), milhares de participantes debaterão o tema principal do encontro: a efetivação dos direitos da igualdade. O site pode ser acessado neste link.

No endereço eletrônico o participante encontra todas as informações sobre a VI Conferência Internacional de Direitos Humanos, como a programação completa do evento, os custos para inscrição e indicações de agências para pacotes de viagem, incluindo hospedagem.

Leia mais:
As inscrições estão com valores promocionais até o dia 15 de março: estudantes pagam R$ 50, enquanto advogados e outros profissionais pagam R$ 100. Após esta data, os preços vão para R$ 75 e R$ 150, respectivamente. Somente alunos de graduação terão desconto de estudante. O pagamento pode ser feito por boleto bancário ou cartão de crédito. Há desconto para grupos acima de 15 participantes.

Segundo o presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, a proteção dos direitos humanos é matéria fundamental para o ideário da Ordem. “A defesa dos direitos humanos diz respeito ao cumprimento da Constituição da República. Temos que lutar para efetivar os direitos da igualdade racial, de gênero, de tratamento entre todos os brasileiros. Somos um só Brasil, independentemente das diferenças de pensamento, origem e raça”, avaliou.

Jarbas Vasconcelos, presidente da OAB-PA, destacou a importância do evento para a região. “Creio que essa conferência nos permitirá debater grandes temas com repercussão no direito de todo o mundo. Para nós, que militamos no interior da Amazônia brasileira, há um sentido especial: as principais violações de direitos humanos acontecem, infelizmente, nas fronteiras amazônicas. O evento lançará luzes sobre realidades para aprimorar o Estado Democrático de Direito para advogados e sociedade”, afirmou.


Fonte: OAB-Conselho Federal

Nenhum comentário:

Postar um comentário