Advisibrasil

terça-feira, 14 de abril de 2015

OAB Nacional lamenta morte de Xavier Albuquerque, ex-ministro do STF

 O amazonense Xavier de Albuquerque foi ministro
 da Suprema Corte entre 1972 e 1983.
(Foto: Arquivo STF) 
Brasília – O Conselho Pleno da OAB Nacional, reunido nesta segunda-feira (13), aprovou moção de pesar pela morte do ex-ministro do STF Xavier de Albuquerque, ocorrida na última quinta-feira (9). “É uma homenagem póstuma à família enlutada do falecido jurista”, afirmou Marcus Vinicius Furtado Coêlho, presidente da Ordem.

O amazonense Xavier de Albuquerque foi ministro da Suprema Corte entre 1972 e 1983. Antes, atuou no Tribunal Superior Eleitoral e foi procurador-geral da República. Formou-se na Faculdade de Direito do Amazonas, tendo obtido o título de doutor pela mesma instituição. Foi por muitos anos professor da Universidade de Brasília.

Xavier de Albuquerque morreu na última quinta-feira (9), aos 89 anos,  era filho de pai médico e mãe dona de casa. Deixa como viúva Marcolina de Oliveira Cabral Xavier de Albuquerque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário